alcacer do salA Prestação de Contas de 2015 da Câmara Municipal de Alcácer do Sal foi aprovada por maioria com 17 votos a favor dos eleitos da CDU e 8 abstenções do PS na reunião de dia 29 de abril da Assembleia Municipal.

Eis a nota de imprensa divulgada pela Câmara Municipal de Alcácer do Sal:

De acordo com o Presidente da Câmara Municipal, Vítor Proença, o executivo municipal apresenta em 2015 resultados que são de valorizar, tais como:

-Um crescimento nas receitas com algum significado na ordem de quase 2 milhões de euros, dos quais um crescimento de 1 milhão de euros nas receitas correntes. E tal é mais significativo se tivermos em conta que a receita do IMI diminuiu quase 500 mil euros.

-Um crescimento moderado nas despesas, situando-se, mesmo com os trabalhadores da ex-EMSUAS já incorporados, numa despesa muito inferior às despesas ocorridas em 2011, 2012 e 2013. Ainda de acordo com o autarca “pelo segundo ano consecutivo e desde que entrou em vigor a Lei dos Compromissos e Pagamentos em Atraso, voltou a não registar-se pagamentos em atraso, reduzindo-se a dívida de curto prazo e o município voltou, em 2015, a reduzir a dívida de médio e longo prazo que hoje é residual. O prazo médio de pagamento a fornecedores baixou para 27 dias e é dos mais baixos do país.

A prestação de contas da Câmara Municipal de 2015 reflete essencialmente a forma decidida como os eleitos da CDU têm assumido o princípio das contas em dia, com aplicação de princípios de boa gestão, nomeadamente os princípios de transparência e rigor, invertendo a tendência que existiu na gestão do executivo anterior, de não declarar todos os compromissos assumidos pelo município. O documento comprova igualmente que ao longo de 2015 cresceram as obras por administração direta só possível pelo aumento da capacidade de projeto, bem como pela maior motivação dos trabalhadores e equipas. O executivo prepara, desta forma, o município para enfrentar os desafios do novo quadro comunitário.

Ao longo de 2015 por cada 100 euros de receitas de capital assumiram-se 80 euros em bens de investimento o que constituiu o melhor dos resultados dos 5 anos anteriores.

Vítor Proença defendeu ainda que “ao longo de 2015 os resultados assentaram numa gestão exigente com a devida prudência a par da entrega e grande empenho dos trabalhadores municipais”, que o autarca felicita, “bem como a sempre útil colaboração com as Juntas de Freguesia”.

Fonte: CMAS

Blocos Informativos



  • Noticiário das 19:00 do dia 21 dez 2016


  • Noticiário das 19:00 do dia 20 dez 2016


  • Noticiário das 19:00 do dia 19 dez 2016


  • Noticiário das 19:00 do dia 18 dez 2016


  • Noticiário das 19:00 do dia 17 dez 2016

Tempo em Grândola

Cannot get Grândola location id in module mod_sp_weather. Please also make sure that you have inserted city name.

Faça publicidade na RCG

JSN Megazine template designed by JoomlaShine.com